Encontre-nos nas redes sociais:

Instagram da IPGO
Zika Vírus
Espaço Criança
11 Razões para o médico confiar seus pacientes ao IPGO

Use o sistema de busca.

INJÚRIA ENDOMETRIAL MELHORA A TAXA DE GRAVIDEZ NOS TRATAMENTOS DE FIV

12 de janeiro de 2015
Home » Destaques » INJÚRIA ENDOMETRIAL MELHORA A TAXA DE GRAVIDEZ NOS TRATAMENTOS DE FIV

Leia na hora certa - Use o leitor QR Code e armazene este assunto para ler diretamente em seu Smartphone

 

Contato: saude@ipgo.com.br
Tel. (11) 3885-4333

 

Injúria, escarificação ou scratching endometrial é um procedimento simples realizado em consultório, sem a necessidade de anestesia e tem o objetivo de melhorar as taxas de gravidez, principalmente em pacientes que tiveram falha prévia de implantação. Com um instrumento delicado (um cateter fino e flexível) e a paciente em posição ginecológica, realiza-se um raspado delicado no endométrio, um pequeno trauma, por isso o nome de “injúria”. Deve ser realizado entre 21º e 26º dia do ciclo menstrual anterior ao que será realizada a transferência embrionária. Tem demonstrado ótimos resultados, aumentando as taxas de sucesso dos tratamentos, principalmente em pacientes que já se submeteram a tratamentos de fertilização in vitro (FIV) sem sucesso. O mecanismo pelo qual a injúria endometrial favorece a implantação embrionária ainda não é claro, mas acredita-se que o pequeno traumatismo causado provoca uma reação inflamatória que leva ao aumento de substâncias (histamina e citocinas) que facilitariam a implantação – células do sistema imunológico, tais como os leucócitos do endométrio e as células NK (natural killer) específicas do útero.
Embora a injúria endometrial não deva ser indicada como rotina em todos os casos de reprodução assistida, o IPGO acredita na sua eficiência e tem ampliado as indicações como, por exemplo, em casos nos quais o endométrio permanece fino mesmo com tratamento hormonal.
Vários métodos têm sido propostos para a falha de implantação, mas a injúria endometrial tem sido considerada a que oferece os melhores resultados, chegando a aumentar em até 70% as taxas.

injuria

 
 
 
 
 
 
 

Referências:

1. Barash A, Dekel N, Fieldust S, Segal I, Schechtman E, Granot I. LOCAL INJURY TO THE ENDOMETRIUM DOUBLES THE INCIDENCE OF SUCCESSFUL PREGNANCIES IN PATIENTS UNDERGOING IN VITRO FERTILIZATION. FertilSteril 2003;79: 1317–22;
2. Raziel A, Schachter M, Strassburger D, Bern O, Ron-El R, Friedler S. FAVORABLE INFLUENCE OF LOCAL INJURY TO THE ENDOMETRIUM IN INTRACYTOPLASMIC SPERM INJECTION PATIENTS WITH HIGH-ORDER IMPLANTATION FAILURE. FertilSteril 2007;87:198–201.
3. Matsumoto, M. Yata, H. Ogata, S. Ogata,S. Kokeguchi, M. Shiotani. HanabusaWomen’sClinic, Kobe, Hyogo, Japan, THE EFFECTS OF ENDOMETRIAL INJURY FOR FROZENTHAWED BLASTOCYST TRANSFER IN HORMONE REPLACEMENTY. ASRM, Hawaii, 2014
4. M. Chawla, M. Fakih,A. Shunnar, J. Diwakaran, Y. Alhelou. Infertility and Reproductive Endocrinology,Fakih-IVF Fertility Center, Abu Dhabi, United Arab Emirates, DOES TIMING OF HYSTEROSCOPIC ENDOMETRIAL BIOPSY (HEB) IN RELATION TO TIMING OF EMBRYO TRANSFER (ET) AFFECT PREGNANCY OUTCOMES IN PREVIOUS IN VITRO FERTILIZATION (IVF) FAILURES? ASRM, Hawaii, 2014
5. B. Ozmen, M. Seval, O. Kan,M. Sonmezer, B. Berker, C. Atabekoglu. Obstetrics and Gynecology, AnkaraUniversity Medical Faculty, Ankara, Ic¸ Anadolu, Turkey, ENDOMETRIAL SCRATCHING IMPROVES PREGNANCY RATES IN RECCURENT IVF FAILURE. ASRM, Hawaii, 2014
6. Potdar N, Gelbaya T, Nardo LG. Endometrial injury to overcome recurrent embryo implantation failure: a systematic review and meta-analysis. Reprod Biomed Online. 2012 Dec;25(6):561-71.

Comments

comments